domingo, 25 de setembro de 2011

Os Anões Mágicos e Loki.

Ivaldi era um anão, um mestre-ferreiro do mundo subterrâneo, que junto com gnomos teria feito uma espada encantada para Cheru, deus da guerra na mitologia nórdica.

Os anões são muito freqüentes nos mitos e lendas nórdicas e germânicas. Eles não são bonitos mas têm uma inteligência superior. E de acordo com o mito, alguns conseguiam prever o futuro.

Os quatro filhos de Ivaldi teriam também fabricado a lança mágica do deus Odin, deus da Guerra, o navio mágico de Frey, deus da Agricultura, e os cabelos de ouro de Sif, deusa da Excelência e esposa de Thor.

Loki, o deus do fogo, da trapaça e da travessura apostou sua cabeça com o anão Brokk que seu irmão Eitri não conseguiria construir objetos com a mesma qualidade dos filhos de Ivaldi. Eitri fabricou então um porco-do-mato dourado para Frey, um anel dourado para Odin e um martelo para Thor. Durante a fabricação desses objetos, Loki se transformou numa mosca e tentou ferroar o anão para distraí-lo e errar. Só o martelo que ficou um pouco menor do que deveria ser, o que fez com que Thor tivesse que usar luvas para empunhá-lo.

Os deuses ficaram maravilhados com os objetos e os consideraram melhores que os dos filhos de Ivaldi. Loki perdeu a aposta mas não deixou que lhe cortassem a cabeça, conforme a aposta, pois esse ato feriria sua garganta que não estaria no combinado. Os deuses permitiram então que Brokk costurasse a boca de Loki para que este não se gabasse enquanto a linha não se desfizesse.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...