domingo, 4 de setembro de 2011

Santa Rosália.

Rosalia Sinibaldi foi uma jovem de Palermo, na Sicília, que se tornou santa pela Igreja Católica.

Nasceu em 1.130 numa família de nobres, descendentes de Carlos Magno.

Durante a adolescência foi ser dama da corte da rainha Margarida, esposa do rei Guilherme I, da Sicília. Mas essa vida não a atraía pois sabia que sua vocação era servir á Deus.

Quando fez 14 anos abandonou a corte e se refugiou numa solitária caverna perto de Palermo levando consigo apenas um crucifixo. O local era da família de seu pai e ficava próximo ao convento dos beneditinos. Alguns anos depois, ela foi viver numa outra gruta no Monte Pelegrino, que lhe fora doado pela amiga e rainha Margarida. Havia ali uma capela bizantina e um outro convento dos beneditinos. Eles puderam acompanhar e testemunhar a vida de eremita em oração, solidão e penitência de Rosália.

Muitos habitantes costumavam subir o monte atraídos pela fama da ermitã. Morreu no dia 4 de setembro em 1.160.

Os documentos que a reverenciam como Santa datam de 1.196. Era tida como protetora dos acometidos por doenças infecciosas.

Conta uma história de que foi Santa Rosália quem salvou Palermo, em 1624, de uma terrível epidemia que atingia a cidade. Ela teria aparecido em sonho para um caçador e lhe indicado onde estariam seus restos mortais e pedindo para que eles fossem levados em procissão. O caçador obedeceu e segundo a lenda, a epidemia acabou. Desde essa época ele tem sido venerada como santa de Palermo. Foi edificado um santuário na gruta onde seus restos mortais forma encontrados.

A festa em sua homenagem acontece na noite do dia 14 para o dia 15 de julho. E hoje, dia 4 de setembro, a tradição é caminhar com os pés descalços de Palermo até o Monte Pelegrino.


2 comentários:

  1. Vera do sullllllll4 de setembro de 2011 16:35

    Olá!
    Interessante estes Santos mais antigos, viviam em oração, contemplação e e pouca doação ao próximo...... Hoje para ser Santo precisa SER muito mais.... Veja a Irmã Dulce, a Madre Paulina, o Papa... Viver da caridade dos outros torna-os(outros) pessoas melhores e também santos.....
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Vera, boa noite!
    Bem lembrado. A oração e a caridade dessas pessoas foram muito importantes.
    Um beijo em ti.

    Segue uma oração de Santa Rosália:
    Ó Santa Rosália, vós, pela penitência e pela oração, alcançastes a santidade e chegastes a uma amizade tão grande com Deus que conseguistes d’Ele o poder de interceder a favor dos homens, especialmente no sentido de afugentar doenças e epidemias.
    Ó grande Santa, vede a dor e o sofrimento de tantos doentes! Socorrei os pobres que não têm assistência médica e nem dinheiro para comprar remédios.
    Intercedei junto a Jesus, amigo dos pobres e doentes, para que Ele cure os nossos males, afaste de nós as moléstias e faça voltar a saúde plena e a alegria de viver.
    Dai-nos uma vida sadia e uma grande disposição de louvor a Deus Pai, autor da vida; de agradecer a Deus Filho, o Divino Médico; de implorar ao Espírito Santo que aquece os corações e de confiar na Virgem Maria Nossa Senhora da Saúde.
    Santa Rosália, em vossas mãos confio meu bem-estar, minha saúde e a saúde de todos os meus semelhantes. Amém.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...